Executivo

Programa Bento Mais Livre Impulsiona Abertura de Novos Negócios

Rodrigo_Parisotto.jpg

Há três meses em vigor, o programa de incentivo a atividade econômica: Bento Mais Livre - Liberdade Econômica para crescer, já gera resultados positivos. Até 31 de outubro deste ano, 1.773 empresas foram abertas no município. Durante o período de vigência da Lei (dados a partir de 1º de agosto), 617 novos empreendimentos foram abertos, o que representa 35% do total.


O Bento Mais Livre compreende um conjunto de medidas municipais de estímulo ao empreendedorismo, geração de emprego e desburocratização. A iniciativa contemplou duas resoluções: a primeira é o projeto de lei da Declaração de Direitos de Liberdade Econômica e a segunda é o Decreto nº 10245/2019, que reclassifica o Licenciamento Ambiental.


A Declaração Municipal de Direitos de Liberdade Econômica tem como princípios norteadores: a liberdade como garantia no exercício de atividades econômicas, a boa-fé do empreendedor e a intervenção subsidiária mínima e excepcional do município sobre o exercício de atividades econômicas.


A partir da aprovação da lei, as principais mudanças foram: a não necessidade de alvará para atividades de baixo risco (cidadão pode abrir o negócio e apresentar a documentação em um prazo de 45 dias); o empreendedor tem permissão para desenvolver suas atividades em qualquer horário ou dia da semana, desde que respeitem normas de direito de vizinhança e não fira normas específicas; mesmo tratamento a todos empreendedores quanto aos atos de liberação da atividade econômica; estímulo à inovação, entre outras.


Com o projeto, mais de 400 atividades econômicas diferentes são beneficiadas. Dentre elas, cabeleireiros, manicures e pedicures, templos religiosos, instituições de ensino, pastelarias, padarias (comércio de produtos alimentícios, não fabricação), hotéis e pousadas, entre outros.


O microemprendedor Jose Valdecir de Oliveira, que deu entrada nos papeis para sua atividade de instalação de máquinas - enquadrada como de baixo risco -, conseguiu a liberação do alvará de funcionamento em cinco dias. "Pra mim foi bem tranquilo. Foi tudo muito fácil e rápido. O atendimento foi bom, com bastante agilidade". O empreendedor acrescenta que necessitou apenas do CPF e comprovante de residência para dar início ao processo. "Pra quem está iniciando, facilita muito", conclui.


Com relação à reclassificação do Licenciamento Ambiental, o Decreto nº 10245/2019 assinado pelo Poder Público isenta 59 atividades de baixo risco do licenciamento ambiental e flexibiliza 117. A iniciativa permite que a fiscalização municipal atue prioritariamente no que é fundamental, dando atenção e agilidade para os processos de relevância social e ambiental. O objetivo é modernizar, racionalizar, eliminando a burocracia desnecessária, tornando o procedimento mais ágil e eficiente.


O secretário de Desenvolvimento Econômico, Silvio Bertolini Pasin, salienta a importância da iniciativa. "Com a aprovação da Lei da Liberdade Econômica estamos agilizando o processo de abertura de novos empreendimentos. A Administração Municipal busca cada vez mais alternativas para desburocratizar, o que impulsiona a economia local e a geração de emprego e renda. Ontem mesmo, lançamos a Sala do Empreendedor Digital, mais uma ferramenta que reduz tempo, gastos e prazos", frisa. 


Bento Mais Livre - Liberdade Econômica para crescer

O programa foi inspirado na Medida Provisória (MP) 881 do Governo Federal, aprovada no mês de julho na Comissão especial, tendo como relator da proposta o deputado federal Jerônimo Goergen e a resolução 372 do Conselho Estadual do Meio Ambiente (COMSEMA) e suas alterações.

 

A medida integra a segunda etapa da Lei de Incentivo Econômico 6012/2015, que prevê a isenção temporária de taxas e tributos para empresas já estabelecidas no município, e que tenham projetos de ampliação, ou para empresas que optarem por se instalar na cidade, gerando novos empregos.

 

 

Assessoria de Comnicação Social da Prefeitura

Foto: Rodrigo Parisotto

Gallon sucos também é destaque em concurso da wine south america

gallonsucos.jpg

A agroindústria familiar Gallon Sucos também foi premiada no concurso “10 Star Wines e os Melhores Sucos de Uva" da segunda edição da Wine South America – feira que movimentou o município na última semana.

 

Propriedade de Márcia e Edvaldo Gallon, a agroindústria foi reconhecida com medalha de prata na categoria melhor Suco de Uva Tinto Integral. Produzindo suco com marca própria há quatro anos, na Linha Alcântara, distrito de Faria Lemos, a Gallon elabora cerca de 30 mil litros de suco de uva tinto integral 100% natural por ano.

 

“Pra nós é sempre muito importante receber essas premiações, porque é o reconhecimento de todo um trabalho que é feito. Um trabalho que começa no cultivo da uva, passa pela elaboração do suco e termina com a qualidade do produto na taça do consumidor. Outro fator importante é a questão comercial, pois esses prêmios também acabam ajudando nas negociações, a expandir o mercado e na prospecção de novos clientes. Ficamos muito contentes, pois somos uma empresa jovem, pequena e familiar, estávamos concorrendo com grandes empresas e acabamos coroados com essa premiação”, comemora Edvaldo Gallon.  

 

A empresa é certificada pelo Selo Sabor de Bento. O secretário de Desenvolvimento da Agricultura, Dorval Brandelli, celebra a conquista. “Estamos muito felizes com esse reconhecimento e valorização da produção das nossas agroindústrias. Tivemos amostras de dois estabelecimentos que possuem o Selo Sabor de Bento que foram premiados: a Casa Moro e a Gallon Sucos. Tudo isso é resultado do trabalho e competência dos nossos agricultores. Aliado ao incentivo ao setor, pelo Poder Público e entidades, temos colhido bons resultados”, frisa.

 

O empreendimento comercializa sua produção na cidade, para a merenda escolar do município e do Estado e para clientes do Rio Grande do Sul e de fora do Estado, além de participar de diversas feiras da agricultura familiar e de feiras específicas de vinho.

A secretária de Educação, Iraci Luchese Vasques, parabeniza a agroindústria. “Ficamos orgulhosos de poder ter mais uma opção de suco de uva para oferecer aos alunos. Isso demonstra o compromisso e o cuidado que nossa agroindústria tem com a comunidade bento-gonçalvense”, ressalta.

 

10 Star Wines e os Melhores Sucos de Uva

O concurso abrangeu 90 amostras de vinhos e 52 rótulos de suco, selecionadas pelas vinícolas expositoras da feira para concorrer ao prêmio. Essas foram avaliadas por um grupo de profissionais formado por jornalistas especializados, sommeliers de renome nacional e enólogos. Em degustações às cegas, foram escolhidos 12 rótulos de vinhos, sendo 10 distribuídos nas oito categorias da prova além de duas menções honrosas, e 17 de sucos de uva, em três categorias.

 

Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura 

Foto: Duivulgação/ Gallon Sucos 

Expobento e Fenavinho abrem suas portas 

pavilhoes expobento.jpg

A comunidade de Bento Gonçalves e visitantes, reviverão um momento que marcou o Município, mais uma edição da Feira Multissetorial: o retorno da Festa Nacional do Vinho e a 29ª ExpoBento, que ocorre anualmente no Parque de Eventos. A abertura oficial ocorre no dia 14, às 11h, com a presença confirmada do vice-presidente da República General, Hamilton Mourão, e do Governador do Estado, Eduardo Leite.   

 

Até o dia 23 de junho, a 16ª Fenavinho retorna após oito anos – prometendo muitas atrações artísticas, culinária típica italiana e, claro, o protagonista da festa servido pelas reconhecidas vinícolas da região. Além disso, com a proposta de resgatar a cultura regional uma vila típica será montada e mostrará vários campos do patrimônio cultural: arquitetura colonial, artesanato, hábitos e costumes, vinho, gastronomia, teatro, música e outros.

 

Concomitante a tudo isso, a ExpoBento, dividida em mundos temáticos, apresenta novidades em moda, acessórios, automóveis, agroindústria, gastronomia e mais de 100 atrações culturais.

 

Para quem quiser adquirir os ingressos antecipados, devem entrar em contato com o CIC, entidade promotora dos eventos, pelo (54) 2105-1999, com Denise.

 

Serviço

 

29ª ExpoBento e 16ª Fenavinho

 

De 13 a 23 de junho

 

Horários:
De segunda a sexta das 18h às 22h30
Sábados e feriados das 10h às 22h30
Domingos das 10h às 21h

 

Ingressos (válidos para ambos os eventos):
De segunda a sexta R$ 5,00

Sábados, domingos e feriados R$ 12,00

Dia 17/06 entrada gratuita 

 

 

Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura 

Foto: Arquivo Ascom 

BENTO ESTÁ ENTRE OS MUNICÍPIOS QUE RECEBERÁ INCENTIVO AO TURISMO DO GOVERNO FEDERAL

TURISMO.jpg

Bento Gonçalves está entre os municípios eleitos da Rota da Serra Gaúcha para estrear o Programa Investe Turismo do Governo Federal. O anúncio foi feito nesta terça-feira, 28, pelo ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. A iniciativa contemplará 30 rotas turísticas do país selecionadas pelo governo federal, Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e pela Embratur – empresa pública federal responsável pela divulgação do turismo brasileiro no exterior. 

 

De acordo com o Ministério do Turismo, as rotas receberão investimentos, ações de marketing e melhoria de serviços para ampliar o número de turistas. O Governo pretende incentivar o turismo doméstico com esses investimentos, mas, principalmente, o turismo internacional.

 

Esses destinos turísticos escolhidos, informou o governo, responderam, em 2018, por 50,1% do fluxo de turistas nacionais e por 79,1% do fluxo de turistas estrangeiros que visitam o Brasil.

 

A cada ano, o número de visitantes cresce uma média de 7% em Bento. Em 2018, o município recebeu 1,5 milhão de visitantes. “Este programa vem de encontro com as políticas nacionais de Turismo. Bento Gonçalves tem se destacado cada vez mais neste cenário e agora com este programa proporcionará a seus empreendimentos a oportunidade de usufruir dos serviços que serão oferecidos em parceria com o SEBRAE. Temos certeza que conseguiremos excelente resultados mantendo Bento entre os destinos destaques do Brasil”, destacou o secretário Municipal de Turismo, Rodrigo Parisotto.

 

Compõe também a Rota Porto Alegre e Serra Gaúcha, os municípios de Gramado, Canela, Nova Petrópolis, Caxias do Sul, São Francisco de Paula, Garibaldi, São José dos Ausentes, Jaquirana e Cambará do Sul.

 

Ainda segundo o ministério, o programa – que será uma parceria entre setor público e iniciativa privada – terá um investimento inicial de R$ 200 milhões, oriundos do Sebrae. Ao todo, 158 municípios de todos os 26 estados e mais o Distrito Federal vão ser beneficiados com ações para incentivar a atividade turística.

 

Confira a lista de todas as rotas e municípios contemplados. 

 

Assessoria de Comunicação Social

Foto: Arquivo Ascom/Davi Da Rold

Jornalista Responsável

Jairo Caprara - MTPS 3522

oecodovale@italnet.com.br

 

Filiado à ADJORI/RS e ABRAJORI

© 2016 by LHS - Assessoria Digital